Representantes Taranto – Representante Bicca

No Blog da Taranto você vai  conhecer a história de representantes Taranto de todo o Brasil. Para começar, conheça Elimar Ferreira Bicca, de 81 anos.  Já bem conhecido na região Sul, o Representante Bicca foi o primeiro revendedor da Taranto no Brasil e tem uma trajetória de muito amor e profissionalismo com o setor de autopeças desde 1961. Conheça a história mais no nosso blog.  

 

– Nome, idade, formação.

Elimar Ferreira Bicca, 81 anos. Conhecido como Sr. Bicca.

– Há quanto tempo está na Taranto.

Praticamente desde o início, aproximadamente começamos nossa parceria em 06/1998.

– Qual região você atende?

Região Centro/Sul do RS, com forte presença na Grande Porto Alegre.

– O que significa para você ser um representante de autopeças?

Bem, como eu trabalho como “vendedor de peças” desde 1961, acredito que não saberia fazer outra coisa. Portanto, significa muito, pois é uma vida inteira de dedicação. Tudo o que conquistei até hoje foi com este trabalho e, com maior orgulho. É ser respeitado e ter grande amizade com todos os clientes e, também, com a maioria dos colegas.

– Conte para nós alguma história curiosa que já aconteceu com você nestes anos de atuação de mercado?

Neste tempo todo eu poderia escrever um livro a respeito. Mas só para exemplificar, até hoje desde que foi iniciada a Automec, que no início era junto com a Feira de Automóveis, eu nunca faltei a nenhuma delas.

– O que mudou do tempo em que você entrou no mercado para hoje?

Praticamente tudo mudou. No inicio o trabalho era mais duro, estradas, comunicação, tudo era mais difícil. Um pedido tinha que ser enviado pelo correio e hoje é online. O mercado ficou muito competitivo e hoje é preciso muita agilidade, convencer o cliente com o teu produto, o marketing é muito importante. Resumindo: é necessário mais trabalho e atenção.

– Qual o recado que você deixa para seus clientes?

Esta é uma pergunta difícil, pois dar recado nem sempre é uma boa. Porém eu acredito que o cliente nem sempre deve se deixar levar pelo preço, é claro que entre produtos da mesma qualidade isto é importante. O quero dizer é que os produtos de qualidade, mesmo aparentemente mais caros, acabam sendo “mais baratos”. Um item de qualidade não virá causar problemas no futuro e, é lógico, hoje em dia é preciso estar atualizado na informática.